quarta-feira, 3 de abril de 2013

4 temporada I Can't Keep My Eyes Of You - 14º Cap: "Sonho..."

1939 –Carolina do Norte USA.
Famoso clube noturno chamado “Café&Music”. Muitos da alta classe social frequentam o local, adoram ir se divertir, e agora eles têm uma nova pianista e cantora que traz muito sucesso. Nick o proprietário do local adora administrar o negócio da mãe que infelizmente partiu há alguns anos atrás.
-Como vai você hoje a noite? –Perguntou Joseph, o barman.
-Muito bem Joe, e você?
-Também. Ela é ótima. –Disse se referindo a mulher que cantava no palco.
-É, foi um milagre ela ter aparecido do nada... Ela é realmente boa. –Nick disse percebendo que Joe estava com uma expressão de felicidade no rosto.
-E além de talentosa, ela é bonita. –Joe disse. –Já sei o que estraga nossa felicidade. Olha só. –Disse apontando para o homem que entrara no local. Era Wilmer. O pior inimigo de Nick. Ele era bem mais velho que Nick, e sempre andava com uma garota mais nova, Miley. Eles viviam juntos, ninguém sabia a razão, todos comentavam que os dois tinham um caso escondido, mas ninguém realmente sabia se era a verdade ou apenas rumores.
-Vou até lá! -Disse Nick se retirando e indo até Wilmer, que estava acompanhado não só de Miley, mas também de Sterling, seu capanga. -É muita cara de pau você vir até aqui não acha Wilmer?
-Eu só quero minha cantora de volta! Meu clube é melhor que o seu!
-Sério? Eu não tirei ela de lá, ela foi quem quis vir para cá e é aqui que ela vai permanecer. E quanto ao seu clube, acho que se fosse melhor, você estaria cuidando dele e não estaria aqui preocupado, então não, o seu não é melhor.
-Cuidado no tom que você fala comigo Nicholas.
-Cuidado em aparecer aqui seu covarde.
-Vamos embora Miley. -Então os olhares de Nick e Miley se cruzaram enquanto Wilmer dizia isso e ela discretamente sorriu. -Esse lugar não nos merece.
-Não mesmo! -Disse Sterling. -Vamos! -Então eles deixaram o estabelecimento. Nick voltou até perto do bar. -Ele é um idiota. -Disse falando para Joe.
-Com certeza.
-Por que a Miley anda com ele? Eu digo, ela é uma garota bonita, e ele é um velho rabugento. -Ele disse rindo da própria piada.
-Talvez dinheiro... -Disse Selena se aproximando. -Boa noite Nick! Você está fantástico hoje.
-Olha quem diz Selena Gomez. Você está fabulosa. -Disse beijando o rosto dela.
-Então Nick, talvez você queira passar a noite lá em casa hoje. -Disse sedutora.
-Selena, tivemos uma história, e eu realmente gosto de você, mas somos apenas amigos agora ok? -Disse pegando a mão dela e beijando-a.
-Ok, ao menos eu tentei. -Disse pegando sua taça de champangne e saindo.
-Selena Gomez. Ela ainda vai mudar o mundo Joe. -Ele então olhou para Joe e disse que ele estava destraido olhando para a nova cantora.
-Ela é tão linda.
-Joe, até quando você vai ficar aqui? Eu não queria que você fosse embora.
-Ainda não recebi uma resposta... Mas espero ficar por aqui mais... Assim vou poder admira-la. Só admira-la porque com certeza um barman não teria a mínima chance com ela.
-Qual é Joe! Converse com ela, Demi é uma mulher diferente das outras, pode apostar.
-Mais tarde eu tento.
-Bom, vou conferir se todos se sentem a vontade. -Disse se retirando.
Mais tarde naquela noite, o clube estava quase vazio, todos haviam ido embora, exceto os que lá trabalhavam. Demi, a cantora estava no palco sentada. Joe se aproximou.
-Você estava ótima. -Ele disse se sentando ao seu lado.
-Obrigada. Eu estava tão nervosa. Meu primeiro dia. -Ela sorriu.
-Nem parecia. Você estava realmente muito boa.
-Obrigada. Sou a Demi.
-Joe. 
-Então Joe, o que você faz?
-Atualmente sou o barman. Eu iria perguntar o mesmo, mas seria idiotice.
-Ah claro que não, as vezes eu poderia fazer algo diferente... perguntar é de graça ora.
-Você aceitaria tomar um vinho?
-Seria uma honra -Ela disse sorrindo e eles foram até o bar. Joe serviu em duas taças uma quantidade generosa de vinho tinto suave. -Esse é do bom. -Ela disse depois de provar um pouco.
-É, só nos melhores bares. -Ele sorriu.
-Me conte mais sobre você Joe. -Ela insistiu.
Eles começaram a conversar sobre suas vidas até que Nick os interrompeu.
-Com licença, mas Joe posso falar com você?
-Sim! Um segundo. -Ele disse se levantando e indo até Nick. -O que foi?
-Isso chegou. -Ele disse entregando uma carta na mão de Joe que imediatamente abriu. -Sinto muito cara. -Disse e olhou para Demi, se referindo a ela.
-Tudo bem. Te vejo depois. -Disse voltando para Demi.
-Aconteceu algo?
-Você gostaria de sair comigo? Hoje?
-Sim.
-Na verdade, que tal ficarmos por aqui? Tudo bem por você? -Ela fez que sim com a cabeça. -Dança comigo?
-Claro. 
Ele pegou em sua mão e a levou até a pista de dança que estava vazia. Kevin o pianista estava no piano e começou a tocar. Eles começaram a dançar.
-Você acredita em amor a primeira vista? -Ele perguntou.
-Sim. E também acredito em destino. -Ela sorriu.
-Preciso te dizer, que fui recrutado pelas forças armadas. Amanhã é minha última noite na cidade e isso é uma droga porque assim que eu vi você naquele palco eu me apaixonei. Eu sei que não nos conhecemos bem, mas sim, eu me apaixonei. Foi amor a primeira vista.
-Não diga mais nada. -Ela disse colando seus lábios nos dele. Eles permaneceram ali se beijando por alguns minutos. -Eu também me apaixonei por você Joe. -Ela disse interrompendo o beijo. -E você vai lutar por nós nessa guerra, e quando você voltar eu estarei aqui, esperando por você!
 Eles ficaram conversando por mais tempo. Nick estava sozinho tomando uma dose de uísque no bar.
 De repente a porta se abriu e uma garota usando um lindo vestido azul claro entrou. Era ela. Miley. Nick logo que a viu, chegou ao seu encontro.
-Meu carro quebrou. -Disse ela para ele.
-Qual é? O Wilmer está lá fora me esperando com uma arma?
-É sério, eu estava dando uma volta e meu carro quebrou.
-Eu não sou mecânico, mas posso dar uma olhada. -Então ambos foram até lá fora.
Depois de olhar Nick viu que não sabia o que era.
-Desculpe, não posso fazer nada a respeito. Mas posso te acompanhar até sua casa se quiser.
-Ok, aceito. -Ela disse sorrindo então ambos começaram a caminhar.
-Posso te perguntar uma coisa? Por que você vive com o Wilmer?
-Não, não tenho um caso com ele. É que ele e minha mãe foram apaixonados um dia, e antes de ela morrer ela o fez prometer que cuidaria de mim. Mas ele não me deixa contar isso à ninguém...Então as pessoas inventam rumores. Não moramos juntos, mas praticamente eu sempre saio com ele.
-E por que você me contou isso? Quero dizer ele não te deixa contar...
-Eu confio em você. -Ela sorriu.
-Mas porque você não vai embora? Você gosta de viver com ele?
-Eu gostaria muito de fugir, mas ele me prende muito. Eu detesto viver com ele.
-Então fuja! -Ele exclamou sorrindo e a parando. Ele segurou levemente em seu braço. -Arrisque-se. Se você não se arriscar nunca vai conseguir alcançar seus sonhos!
-Eu sei, mas é que tenho medo. -Então continuaram a caminhar.
-Medo de quê? De simplesmente ser feliz?
-Medo de perder tudo. Sabe, por mais que ele seja terrível, ele conversa comigo, e se eu não tiver ninguém?
-Sempre vai ter alguém. -Ele disse sorrindo.
-Mas as pessoas sempre se vão.
-As vezes você tem que ir atrás delas. -Até que então chegaram ao portão da casa de Miley.
-Você me acha bonita?
Ele ficou meio confuso com a pergunta.
-Por que me pergunta isso?
-Apenas responda. Me acha bonita?
-Sim, você é muito bonita.
Ela se aproximou dele e colou seus lábios junto aos dele.
-Você quer fugir da cidade comigo amanhã a noite? -Ela disse parando o beijo.
-Fugir? Assim do nada?
-Sim! Esquecer de tudo e de todos. Você seria perfeito para ir comigo! Você não gostaria?
-É claro que sim! Mas simplesmente não posso deixar minha vida aqui.
-Mas podemos criar uma nova vida! Longe daqui, longe de tudo e longe de todos. -Ela disse segurando no rosto dele e olhando profundamente em seus olhos.
-Seus olhos são tão lindos. -Ele disse se perdendo ao admira-la.
-Nick, vamos sair dessa cidade.
-Ok! Amanhã às 23:00. Te encontro no ponte West Bridge. -Ele disse sorrindo e ela lhe deu um beijo e entrou correndo em sua casa.
Ele saiu dali feliz, com um grande sorriso no rosto e com seu coração batendo acelerado. Mas o que ninguém sabia que aconteceria é que Selena estava ali atrás de um muro, ouvindo tudo e observando o que Nick e Miley faziam.
Selena precisava de dinheiro, estava um pouco necessitada e tinha algumas dívidas, então sem pensar duas vezes foi até a casa de Wilmer e tocou a campainha. Ele atendeu e ela entrou.
-Tenho uma novidade para você. -Disse olhando sedutora para ele.
-Tem que ser algo muito chocante para você vir até aqui a esta hora da noite senhorita Gomez.
-Mas você tem que me prometer que minhas dívidas com você vão acabar.
-Depende. Se o que você me disser for interessante o bastante.
-Pode ter certeza de que é. É sobre sua queridinha Miley. Sua"entiada".
-Como você sabe sobre isso?
-Sobre o que? Sobre você ter tido um caso com a mãe dela e ter prometido cuidar dela quando a mãe dela morreu?
Ele então rapidamente agarrou o pescoço dela com uma das mãos e fez um pouco de força fazendo com que a garota quase ficasse sem ar.
-Fale.
Ela tentou falar, mas não conseguiu pois estava ficando sem ar. Então ele a soltou.
-Eu ouvi ela conversando com o Nick. Eles vão fugir juntos amanhã às 23:00. Vão se encontrar na west bridge.
-Impossível.
-Vá lá amanhã e veja com seus próprios olhos. Vou considerar minhas dívidas pagas.-Ela disse se retirando.
Com Joe e Demi.
-Joe, preciso ir, mas amanhã me encontre no parque da cidade pela manhã. Vou te esperar. -Ela disse se despedindo.
-Não quer ficar mais? -Ele disse pegando na mão dela quase insistindo para ela ficar mas sem ser muito desesperado.
-Eu queria, mas não posso. Te vejo pela manhã. -Ela disse dando-lhe um beijo de despedida.
No outro dia de manhã Demi estava no parque à espera de Joe. Ela estava usando um deslumbrante vestido amarelo claro e estava sentada em um banco da praça. Joe então chegou e rapidamente foi ao seu alcance. Ela se levantou no momento que o avistou e então antes de se falarem selaram seus lábios com um beijo.
-Bom dia. -Disse olhando para ela e sorrindo.
-Senti sua falta. -Disse sorrindo de volta.
-Ontem a noite, quando você foi embora eu percebi que eu não vou conseguir viver sem você, então quero oficializar agora, quero me casar com você Demi! Quero que tenhamos vários filhos, e eu quero fazer isso ainda hoje porque não sei se vou estar aqui daqui há um mês, e não é por isso que quero me casar, não mesmo, quero me casar porque eu te amo.
Demi não respondeu. Apenas ficou olhando nos olhos dele por alguns segundos e o beijou. Os dois foram até o cartório da cidade e se casaram.
-Não é o casamento que você esperava, mas pelo menos estamos casados. -Disse Joe.
-É tudo o que eu mais queria. Não importa como e nem quando, o que importa é que foi com você Joe. -Ela disse o beijando. -Como hoje a noite você tem que partir não vamos ter a nossa noite de núpcias então pensei em irmos para a minha casa agora. -Ela disse mordendo o lábio.
-Claro. -Ele disse com respeito. -Você está pronta para isso?
-Sim. Estamos casados, é a hora certa.
Foram até a casa de Demi, uma casa pequena e simples. Joe respeitosamente começou a baixar o zíper do vestido dela. Eles estavam no quarto. Ele tirou sua camisa e eles começaram a se beijar. Depois de alguns carinhos eles fizeram amor e ofegantes estavam deitados na cama se olhando.
-Eu te amo Joe.
-Eu também te amo Demi.
Ao anoitecer no aeroporto da cidade Joe e Demi estavam se despedindo.
-Volte logo. Não vou aguentar ficar muito tempo sem você Joe.
-Eu voltarei o mais breve possível. -Ele disse pegando na mão dela.
- Me prometa então.
-Eu prometo. -Disse olhando nos olhos dela e então delicadamente a beijou.
Então depois de alguns minutos trocando carinhos Joe entrou em seu avião e saiu.
Com Nick e Miley...
Já eram 22:30 e Nick estava na west bridge esperando Miley. Após alguns minutos ela chegou. Eles se olharam e se beijaram.
-Você está pronta para sair?
-Sim.
-Não tão cedo. -Disse Wilmer chegando com seus capangas.
-O que você está fazendo aqui? -Miley perguntou nervosa.
-Eu fiquei sabendo que você iria me desapontar Miley! Como você pode fazer isso? Eu te criei. Eu te dei tudo o que você precisava.
-Não. Você não me deu amor. E eu preciso viver minha vida agora! Eu vou embora da sua vida.
-Você não vai a lugar nenhum.
-Ela vai aonde ela bem quiser. -Disse Nick interrompendo a conversa.
-Você! -Wilmer disse tirando uma arma do bolso e apontando para Nick. -Saia da vida dela.
-Não.
-É melhor você não me desafiar garoto. -Ele disse preparando a arma e Nick então, destemido, deu um passo a frente. Wilmer puxou o gatilho, mas antes que a bala atingisse o peito de Nick, Miley entrou na frente e a bala a atingiu, deixando-a cair nos braços de Nick.
-MILEY! -Nick gritou quando ela caiu em seus braços, ele se sentou no chão com ela em seu colo. -OLHE PARA MIM! MILEY!
-Nick...
-Miley por favor, não me deixe.
-Eu...
-Você não pode me deixar.
-Eu.. amo você. -Ela disse olhando para ele, e então lágrimas começaram a cair dos olhos dele, a cada vez que ele olhava o sangue escorrendo do corpo dela, mais lágrimas caiam dos olhos dele. Até que então os olhos dela foram lentamente fechando.
-MILEEEEEEEEEY! -Ele gritou chorando. -ISSO TUDO É CULPA SUA! -Ele disse gritando com Wilmer.
-Eu não quis... -Ele disse chorando, então ele colocou a arma na sua própria cabeça e puxou o gatilho.
Mais uma morte naquela noite, na west bridge.

Um sonho sempre pode se tornar realidade...

Continua...

Pra quem não entendeu isso foi um sonho que a Demi teve..
Espero que tenham gostado ..
10 comentários para o próximo...




14 comentários:

  1. minha nossa,que sonho....tipo miley morre....credo...,mais tá perfeito,eu adorei
    posta logooo,
    beijos ;)

    ResponderExcluir
  2. kkkk.. a Demi viaja mas ta muito legal! posta logo! por favor! bjs...

    ResponderExcluir
  3. Posta logo, ta perfeito

    ResponderExcluir
  4. perfeitooooooooooo postaaaaa logo

    ResponderExcluir
  5. postaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  6. perfeitoooooooo,
    posta logoooo.

    ResponderExcluir
  7. kkk tah muito bom!!!! posta logoooooo

    ResponderExcluir
  8. Adorando essa fic ... Poste muitas temporadas... Você tem muito talento e Joemi não tem fim ... Beijo !!!

    ResponderExcluir
  9. Awnnn essa sua fic é muito boa. Posta logo.

    ResponderExcluir

Comente para o próximo cap. (: